Câncer de Intestino: Sintomas e Tratamento – Tudo o que você precisa saber e que ainda não foi dito

Câncer de Intestino: Sintomas e Tratamento – Tudo o que você precisa saber e que ainda não foi dito

Câncer de Intestino: Sintomas e Tratamento – Tudo o que você precisa saber e que ainda não foi dito.

Os principais sintomas do Câncer de Intestino não são exatamente fáceis de serem identificados. Isso acontece porque, de uma forma geral, são sintomas que que também acontecem quando o caso não é de câncer, mas sim de uma infecção intestinal ou hemorróidas.

 

Os principais sintomas do Câncer de Intestino são dores na região da barriga, sangue nas fezes e diarreias frequentes. Esses sinais, porém, podem variar dependendo do local onde o tumor está e da sua gravidade. Para saber mais sobre esse assunto, continue lendo o artigo a seguir.

Sintomas do Câncer Colorretal

 

Sem dúvidas, o câncer que mais afeta a região do intestino é o Câncer Colorretal. Esse câncer atinge a última parte do Intestino Grosso. Logo abaixo, você pode conferir uma lista com os principais sintomas do Câncer Colorretal.

 

Caso você tenha algum desses sintomas por um período superior a um mês, a ida ao médico para identificar a origem é recomendada.

 

  1. Perda de Peso sem razão aparente
  2. Cansaço com frequência
  3. Sensação de peso ou dores na região do ânus
  4. Sangue no ânus
  5. Gases e cólicas abdominais
  6. Fezes com sangue ou de cor escura
  7. Diarreia ou prisão de ventre constantes

 

Esses são os sintomas do Câncer Colorretal.

A seguir, conheça quais são os sintomas do Câncer no Intestino Delgado.

 

Sintomas do Câncer no Intestino Delgado

 

O Câncer de Intestino também pode surgir na primeira parte do nosso intestino. Essa parte é conhecida como o Intestino Delgado.

 

Esse tipo de Câncer no Intestino provoca alguns sintomas que são mais genéricos. Tais como dores no abdômen, cansaço geral e frequente, perda de peso, anemia, entre outros.

 

Ou seja, sem a realização de alguns exames complementares específicos, não é possível diagnosticar o Câncer no Intestino Delgado. Esses exames devem ser pedidos por um médico gastroenterologista. Um exemplo de exame complementar que pode ser solicitado nesse caso é a Tomografia Computadorizada.

 

Tratamento para Curar o Câncer de Intestino

 

O tratamento para curar o Câncer de Intestino pode ser feito de várias formas. Esse tratamento pode ser feito com cirurgia, com quimioterapia, imunoterapia ou radioterapia.

 

Porém, a escolha do tratamento mais adequado depende muito do tamanho e de onde o tumor está localizado. O desenvolvimento desse tumor também é um fator que deve ser levado para a escolha do tratamento mais apropriado.

 

De acordo com estudos recentes realizados na Califórnia, o câncer que surge do lado esquerdo do intestino são os casos mais fáceis para serem tratados e curados. Porém, em qualquer caso de câncer de intestino, é possível adotar tratamentos que, se bem-sucedidos, levarão o paciente à cura.

 

Quando o Câncer de Intestino é diagnosticado logo em seu início e seu respectivo tratamento iniciado o quanto antes, as expectativas de cura são grandes. Quando isso não acontece, as chances de cura diminuem consideravelmente.

 

Cirurgia para o Câncer de Intestino

 

A primeira opção de tratamento para o Câncer de Intestino será mesmo a cirurgia. A cirurgia pode ser realizada em câncer de grau 1, 2 ou 3. O objetivo da cirurgia é a retirada do tumor, a retirada de uma parte do intestino que foi afetada e uma pequena parte do intestino saudável.

 

Com esse procedimento, é possível garantir que nenhuma célula cancerígena restou no local afetado pela doença.

 

Quimioterapia para o Câncer de Intestino

 

Para o câncer de grau 3, 4 ou 5, a quimioterapia é o tratamento mais recomendado. Esse método consiste no uso de alguns medicamentos que matam as células cancerígenas. Esses medicamentos podem estar na forma de comprimidos ou de injeção.

 

O tratamento com Quimioterapia pode durar de 6 meses até 1 ano. Em alguns anos, o tratamento pode durar inclusive mais do que 1 ano.

 

Radioterapia para o Câncer de Intestino

 

No Câncer de Intestino de grau 3 ou 4, a Radioterapia pode ser uma opção de tratamento considerada. O objeto também é matar as células cancerígenas do local onde é aplicada.

 

Os efeitos colaterais causados pela radioterapia costumam ser menores do que os causados pela quimioterapia. Ainda assim, a Radioterapia pode causar irritação na pele, náuseas, fadiga e irritação na bexiga.

 

Imunoterapia para o Câncer de Intestino

 

A Imunoterapia se baseia no uso de alguns anticorpos que são injetados no organismo para reconhecer e atacar as células que são cancerígenas. O objetivo da Imunoterapia é o de impedir o crescimento do tumor, bem como as chances de metástase.

 

No que diz respeito aos efeitos colaterais da Imunoterapia, pode-se citar diarreia, dor de barriga, sangramento e sensibilidade à luz.

 

Saiba mais neste link.

Comentários